<iframe src="https://www.googletagmanager.com/ns.html?id=GTM-KTJBCW6" height="0" width="0" style="display:none;visibility:hidden">
Plano de fundo esquerdo do banner

Ensino e aprendizagem

A importância da pedagogia afetiva na Educação Infantil

Você sabe o que é a pedagogia afetiva e como ela pode impactar na educação infantil? Então, confira este artigo!

Ensino e aprendizagem

Tempo de leitura: 3 min
Newsletter

Você sabe o que é a pedagogia afetiva e como ela pode impactar na educação infantil? Então, confira este artigo! 

A pedagogia afetiva é um conjunto de técnicas e hábitos que utiliza o vínculo afetivo para melhorar o processo de ensino-aprendizagem. 

Ela parte do princípio de que o vínculo emocional deixa a criança mais aberta a aprender, então utiliza atividades e brincadeiras que estimulam essa abertura. 

Neste artigo, vamos explorar o que é a pedagogia afetiva e como ela contribui para o processo de desenvolvimento de um aluno. 

Você vai conferir: 

O que é pedagogia afetiva?
A pedagogia afetiva e a BNCC
Quais são os benefícios de aplicar a pedagogia afetiva?

CTA: Faça uma pós graduação com quem está reinventando a educação! Matricule-se Já!

O que é pedagogia afetiva? 

Como você viu na introdução deste artigo, a pedagogia afetiva é uma abordagem que leva em consideração o vínculo emocional criado entre professor e aluno. 

De acordo com estudiosos da área, o desenvolvimento afetivo e cognitivo de uma criança acontece de maneira equivalente. Ou seja, existe muita vantagem em unir os dois no momento do processo de ensino-aprendizagem. 

Isso porque, ao construir um vínculo afetivo com o professor, a criança se sente acolhida, e isso faz com que ela se abra mais a aprender. 

Se a criança está à vontade, confia no professor e se sente querida por ele, a aprendizagem se torna algo natural e que ela faz com gosto. 

Logo, aprender se torna um processo agradável e significativo. 

Dessa forma, a pedagogia afetiva utiliza atividades em sala de aula para melhorar o processo de ensino-aprendizagem e potencializar o desenvolvimento do aluno. 

Porém, é importante ressaltar que a pedagogia afetiva não é somente demonstrar afeto pelos alunos. Ela vai muito além disso. 

A pedagogia afetiva passa por construir uma relação emocional com as crianças e adolescentes no cotidiano usando a disponibilidade e escuta ativa. 

É preciso trabalhar emoções e sentimentos junto com as atividades curriculares, é conduzir conflitos, criar laços e fomentar práticas de empatia e solidariedade. 

Os pilares da pedagogia afetiva 

A pedagogia afetiva funciona com base em três pilares: a própria pedagogia, a afetividade e um conjunto de valores e princípios que norteiam o trabalho. 

Confira abaixo cada um dos pilares da pedagogia afetiva: 

  • Pedagogia: a pedagogia é a ciência que estuda o processo de ensino e aprendizagem, ela dá foco no aspecto cognitivo. É o primeiro pilar. 
  • Afetividade: o segundo pilar é a afetividade, parte essencial dessa abordagem. Está relacionada ao ato de cuidar e de ser cuidado.
  • Valores e Princípios: dentro deste pilar, encontramos doze habilidades que deverão ser despertadas na formação da criança. São eles o conhecimento, transformação, autonomia, responsabilidade, solidariedade, respeito, direitos e deveres, democracia, cidadania, criticidade, sensibilidade e criatividade.

A pedagogia afetiva e a BNCC 

A Base Nacional Comum Curricular é um documento que surgiu como forma de normatizar os aprendizados essenciais que um aluno deve ter ao longo de sua vida escolar. 

A BNCC, como também é chamada, tem foco não apenas na formação acadêmica de crianças e adolescentes, mas também em suas competências socioemocionais. 

Dentro dessa base, a pedagogia afetiva aparece como uma das competências que ajudam no desenvolvimento das emoções do aluno. 

E também é aludida como um trabalho contínuo, algo que deve estar presente desde a Educação Infantil até o final do Ensino Médio. 

Quais são os benefícios de aplicar a pedagogia afetiva em sala de aula? 

Como você deve ter percebido, um dos primeiros benefícios que a aplicação da pedagogia afetiva em sala de aula traz é o autoconhecimento para os alunos. 

Quando o desenvolvimento cognitivo caminha ao lado do emocional é possível reconhecer mais claramente seus interesses e desejos, além de trazer mais autonomia e maturidade emocional. 

Assim, um aluno que passou por essa experiência consegue se tornar um cidadão mais equilibrado emocionalmente, o que reflete sobre seus valores emocionais e sociais. 

Além disso, existem outros benefícios. Confira a listagem abaixo:

  • Torna o aprendizado mais intuitivo: é sabido que uma rotina escolar rígida e distante emocionalmente acaba se tornando monótona e pouco produtiva para as crianças e adolescentes. Ela se transforma em um aprendizado mecânico, que sabemos não trazer benefícios a longo prazo. Levar a afetividade para a rotina pode ajudar a pivotar, trazendo um pouco mais de aprendizado intuitivo e tornando o dia a dia mais agradável. 
  • Fortalece as relações sociais dos alunos: como vimos, trabalhar a afetividade juntamente com o desenvolvimento cognitivo auxilia na maturidade emocional de uma criança e um adolescente. Essa prática traz respeito mútuo e confiança, o que ajuda a fortalecer as relações sociais.
  • Ajuda a manter a ordem em sala de aula: ao contrário do que temem muitos professores, colocar a pedagogia afetiva em atividade na sala de aula não tira a autoridade do professor. Pelo contrário, essa abordagem ajuda a trazer mais ordem para o ambiente através do respeito que é adquirido e pela confiança. 

E se você se interessou pelo olhar da pedagogia afetiva e tudo o que ela traz de benefícios para alunos e professores, não deixe de buscar aprender mais. 

Aqui na Pós Educação Unisinos, temos um curso de especialização pensado exatamente para auxiliar o professor a construir práticas pedagógicas que passam pela afetividade e buscam uma educação verdadeiramente inclusiva. 

A pós-graduação em Educação Inclusiva: desafios e práticas pedagógicas tem aulas 100% online e é reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). 

Conheça o curso clicando neste link.

Inscreva-se na pós-graduação em Educação Inclusiva da Pós Educação Unisinos

Leia também:

Sobre o autor

Redação

Conteúdo para quem quer inovar em sala de aula. Vamos juntos reinventar a educação?

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página.

Acompanhe a transformação na Educação.

Confira os últimos artigos sobre inovação, metodologias de ensino e aprendizagem e carreira docente que preparamos para você.

Plano de fundo esquerdo dos posts relacionados
Plano de fundo direito dos posts relacionados